Shakira (4)

Shakira: um longo caminho até o sucesso


Sua carreira como cantora e compositora começou quando ela ainda era ainda criança e a tornou famosa em todo o mundo antes dos 18 anos. Desde então, Shakira se aventurou em trabalhos como atriz e produtora, e também se dedicou a causas solidárias. No entanto, nem tudo foi fácil. O início da trajetória da colombiana foi repleto de altos e baixos.

Uma simples lista das várias atividades realizadas por Shakira ao longo de sua vida já ajuda a entender de que tipo de mulher estamos falando. Ela é cantora, mas também compõe suas próprias músicas. Além disso, foi produtora musical, dançarina, modelo, empresária, estilista e atriz. Como se fosse pouco, a colombiana foi escolhida pela Unicef de seu país para ser Embaixadora de Boa Vontade. Seu último grande papel é o de mãe de Milán e Sasha, fruto do seu amor com o jogador do Barcelona Gerard Piqué.

Mas o caminho até o sucesso não foi tão simples quanto parece: sua infância foi difícil, seu pai foi à falência e os primeiros discos não tiveram sucesso. No entanto, quando a carreira começou a decolar, sua primeira decisão foi criar uma fundação para ajudar crianças carentes a sairem das ruas.

Nem tudo foram rosas

Ninguém nasce com tudo. Shakira Isabel Mebarak Ripoll nasceu em 2 de fevereiro de 1977, em Barranquilla. Reza a lenda que começou a escrever poesia com apenas quatro anos, sendo que seu primeiro poema se chamou “La rosa de cristal”. Sua primeira música, “Tus gafas oscuras”, escrita aos oito anos, é baseada em uma história triste. A canção foi inspirada nos óculos escuros usados pelo pai, para esconder a dor causada pela morte prematura de um dos irmãos de Shakira.

Quando tinha apenas oito anos, seu pai foi à falência e ela teve que se mudar com um parente para Los Angeles.  Ao voltar para a Colômbia, a maioria dos bens da família haviam sido vendidos.

Artista por vocação

Talvez o segredo do sucesso de Shakira seja não ter se entregado à dor nos momentos difíceis, mas ter encontrado um jeito de realizar o sonho de ser artista, mesmo nas adversidades.

Além de escrever poesias e músicas desde criança – e de se inspirar com os momentos tristes pelos quais passou –, ela nunca se rendeu: apesar de não ter sido aceita em um coral católico porque sua voz era muito aguda, ela continuou tentando. Entre os 10 e 13 anos, Shakira começou a participar de eventos em Barranquilla, que lhe deram algum reconhecimento em sua cidade natal.

Graças a essa tenacidade, aos 14 anos a colombiana já havia conseguido o que muitas pessoas tentam durante toda a vida: lançar um disco. O trabalho se chamava Magia e incluía a música dedicada ao pai anos antes. “Quando você me olha, meu corpo encolhe e me sinto pequena”, dizia um de seus versos. Porém, o disco foi um fracasso comercial, vendendo apenas mil cópias. Seu segundo trabalho, Peligro, teve o mesmo resultado.

O salto para o sucesso

Tudo começou a melhorar em 1995, quando a Sony Colômbia, que havia produzido seus dois primeiros discos, sugeriu incluir uma de suas músicas em uma coletânea. Shakira respondeu a proposta pedindo que fosse uma canção nova. Assim nasceu Donde estás corazón, um sucesso que ultrapassou as fronteiras da Colômbia. Em 1996, foi lançado o disco Pies descalzos, que vendeu nada menos do que cinco milhões de cópias em sua primeira versão.

Menos pés descalços

O nome do disco que levou Shakira à fama também é o nome da fundação que ela criou, com apenas 18 anos, para ajudar a tirar crianças da pobreza.

A entidade apoia meninos e meninas em situação de vulnerabilidade e violência. Graças a este trabalho, Shakira foi eleita Embaixadora da Boa Vontade da Unicef; em 2006, ela participou da criação da Fundação Latino-Americana ALAS (América Latina em Ação Solidária), organização que apoia ativamente até hoje.

Tudo o que veio em seguida foi positivo: Dónde están los ladrones (1998), Servicio de lavandería (2000), Fijación oral (2005), e os demais discos de sua carreira foram um sucesso, inclusive álbuns mais recentes, como Sale el sol (2010) e Shakira (2014). Atualmente, ela continua apostando em novos trabalhos e renovando seu estilo. Embora algumas vezes seu trabalho musical tenha sido criticado e o início de sua carreira não tenha sido dos melhores, o público em todo o mundo continua escolhendo Shakira como uma de suas preferidas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *